2014/01/12

eu que me comovo por tudo e por nada....

... comovi-me ontem à noite.

Fotografia do meu amigo Rui Eugénio que espero que não chateie comigo por colocá-la aqui sem a devida autorização....

Porque de tanta coisa que se faz, que se organiza, que se pensa, às vezes o resultado pode superar as melhores expectativas.
E a noite ontem foi exemplo disso.

O silêncio total que se ouvia no espaço Os Infantes foi comovente. A doçura com que o António Zambujo tocou e cantou para aquela mais de uma centena de pessoas foi enternecedora.
A gratidão do público pela disponibilidade e até ternura do músico, foi avassaladora.

Estou de peito muito cheio. Ontem foi uma muito boa noite.
E agora é esperar que alguém tenha gravado a "Valsinha" do Chico na versão sublime de António Zambujo.