2013/05/01

notícias

Morreu uma menina de 2 anos no EU. O mano dela, com 5 anos, agarrou na arma que lhe tinham oferecido o ano passado (quando ele tinha 4 anos) e deu-lhe um tiro.

Quem não teve vontade de matar a mana mais nova que atire a primeira pedra. 

A grande diferença, é que lá em casa não havia armas à bruta dentro dos armários. A verdade é que  nessas alturas, quando a vontade me chegava, eu lamentava não ser filha de caçadores. Ou de americanos. 

A criançada americana pode, no entanto, respirar de alívio porque pelo menos o perigo mortal à espreita em cada ovo Kinder foi eliminado do país.