2011/06/05

Se eu fosse uma gaja optimista

Pensava assim:

"Ainda bem que choveu como se não houvesse amanhã e que o ralo do quintal entupiu e a minha casa ficou com água até aos meus tornozelos. Assim percebi que tenho de desentupir o ralo mais vezes e arrumei aa dispensa que já precisvaa."

Como o optimismo não é a minha praia, aqui vai:

F@*+&5 não é normal em Junho chover desta maneira. Vão-se lixar! Quem é que desentope ralos depois de maio?! Ninguém! Merda! Andei duas horas de cu para o ar a apanhar água. Tive de me meter dentro de água para desentupir aquela merda e andei a apanhar papel e cartão encharcado de dentro da dispensa, para além de que o puzzle tem de ir para o lixo e é possível que haja coisas que não têm recuperação possível. Bada merda! Só queria vir para casa fazer a porra da caldeirada e sentar-me a comer descansada, porque esta semana vai ser a correr outra vez e precisava de estar sossegada por um bocadinho e em vez disso andei de esfregona e de vassoura. E o gato atarantado de um lado para o outro com a casa de banho toda encharcada e a miar e tirar-me do sério. Ó pá! não há saúde!

GRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR