2011/02/28

Belo Domingo

Vá de sol na moleirinha, vá de cafés e esplanada.
Vá de trabalhar, mas ao sol o que muda sempre a perspectiva das coisas.
Uma melancolia estranha e proveniente do excesso de vitamina D ou só porque é crónico e não passa.
É preciso talento para nos sentirmos sempre bem, uma espécie de vocação. E eu, é mais que óbvio não a tenho.
Sim, sim, sim... eu sei que não tenho problemas graves, que há quem esteja pior que eu, que não tenho do que me queixar... sim, sim, sim... sei isso tudo. Tenho a certeza disso tudo e se isto descansa alguma alma mais religiosa, sinto-me uma mal agradecida. E depois?